ESCAPES | BELOS HORIZONTES

0

Comece ouvindo: Samuel Rosa e Lô Borges – Paisagem da Janela 

Redescobrir uma cidade pelos olhos de outras pessoas é sempre fantástico, recomendo a experiência. Voltar para Belo Horizonte depois de anos me fez bem. Me ensinou também. Por mais que muitas coisas tenham mudado desde a última vez que fui, a principal delas não mudou, a essência e receptividade dos mineiros.

Em Belo Horizonte é fácil se sentir em casa, mesmo estando a bons quilômetros da sua. A receptividade não está somente nas pessoas, está nos detalhes. É o sequilho que vem no café, a padaria artesanal da esquina, o restaurante descolado que é orgânico e sustentável, o ginásio de escalada no meio da cidade, o bolo no café da tarde, o jeitinho de falar. A lista com tudo que Belo Horizonte pode te proporcionar é imensa e com muita essência. Receptividade talvez seja a essência dos mineiros.

E foi justamente com essa receptividade que a Aline e a Marcela, irmãs à frente da Antonieta Loja, me apresentaram a Belo Horizonte delas. Longe dos lugares hiper badalados, os dias que passei com elas na capital mineira me levaram para ainda mais para perto da minha essência.

Já pararam para pensar como nos conectamos com as outras pessoas? Pois bem.

Essa conexão que me refiro não está apenas em conversas e opiniões, mas no tamanho do afeto que criamos com detalhes. O bolo de fubá da Ana, mãe das meninas, me conecta a ela. Lembro do gosto, do cheio e do carinho daquele bolo que me acompanhou no café da manhã.

Emoção não é só o que a gente sente, mas o que nós despertamos no outro, e sabe, isso é lindo.

Longe de ser um roteiro detalhado de Belo Horizonte, a coluna #ESCAPES desse mês vem de encontro com o empoderamento feminino do Cotidiano. Durante os dias em Belo Horizonte conheci mulheres incríveis, com ideais e movimentos que merecem holofote. Fui com o intuito de inspirar pessoas contando a minha história em um evento promovido pela Casa BH, mas na verdade, fui inspirada. Foram dias especiais, com pessoas pessoas e lugares verdadeiramente mágicos, únicos.

Se você gosta de moda ou tem um envolvimento mais profundo nesse meio, precisa conhecer todo o conceito da CASA BH. Por lá, a Poli e o Marcos, idealizadores do projeto, criam conexões entre marcas e pessoas de maneira única. Vale a visita 😉

(Ah, e a loja física da Antonieta fica lá!)

Bem ali do lado da CASA BH, descendo a avenida Afonso Pena, fica o GUAJA. Cheio de personalidade e gente descolada, é para chegar e ficar, com calma. Para trabalhar também, já que é um mix de café e co-working.

Leve o computador e após o almoço por lá, já fique para o trabalho. O ambiente é uma delícia!

O bowl vegetariano do Guaja foi a minha escolha para um dos almoços por lá!

A CASA AMORA foi outro lugar que me fisgou pelo seu conceito e gastronomia. Além do ambiente cheio de charme, almoçar por lá significa comer super bem pagando um valor justo.

A produção é toda @Antonietaloja_

Belo Horizonte tem um patrimônio gastronômico incrível! São muitos restaurantes e cafés com cardápios repletos de delicias. Não deu tempo de conhecer tudo, mas no pouco, tanto o Guaja como a Casa Amora ganharam meu coração.

Com poucos dias na capital mineira e muitas reuniões optei por ter uma das refeições do dia mais prática, e foi ai que as meninas me apresentaram a empresa Gourmet Fitness , uma das queridinhas quando o assunto é praticidade. Eu sempre acho que refeição congelada até pode ser prática, mas nem sempre tem sabor. E foi justamente ai que de me surpreendi! Mineiros, né mores? Você acha que não teria um toque todo especial? Comida congelada pode sim unir praticidade, saúde e sabor!

Os meus escolhidos da Gourmet foram os bolinhos de couve-flor (dos deuses!!!!) e o canelone do abobrinha (Fantástico!!!!). Como não como carne vermelha e nem frango, não provei as outras opções mas acredito serem tão saborosas quanto as minhas escolhas.

Mas Belo Horizonte não tem só boa gastronomia, se você gosta de esportes como eu, precisa conhecer um dos maiores ginásios de escalada do Brasil, o Rokaz. O Ginasio além de ser todo diferente, por ser coberto, mas ter suas laterais abertas, é ótima opção para treino. Você consegue pagar por diária e ter instrutores a sua disposição para check de equipamento de segurança e até mesmo orientação no treino.

Mas antes do treino de escalada fui conhecer a Sync Fitness, multimarcas com tantas opções e marcas que eu acabei escolhendo esse conjunto da Live! 😉

Ainda na pegada do esporte e da experiência, na minha estadia em BH, consegui pegar um jogo do Cruzeiro no Mineirão. Todo reformado e um dos palcos da copa do mundo, a estrutura é incrível e a torcida… a Raposa é sensacional!

Como podem ver, lugar de mulher… é onde ela quiser!

(Agradecimento especial para o Henrique, noivo da Má que conseguiu os ingressos. Valeu, Henrique!).

Mas calma, não é só de esporte e gastronomia que foi feita a viagem para Belo Horizonte. Por indicação da Aline e da Marcela que fui conhecer a Clínica Bem Viver, das queridas Andrea e Juliana. Por ser uma clinica boutique, o atendimento é bem personalizado e vai além da estética em si. A Andrea por exemplo, é fisioterapeuta, na indicação de qualquer procedimento pensa no bem estar da cliente além do resultado estético.

Batemos um papo, antes e durante a massagem, falando justamente do caminho da estética. Tanto ela, como a Ju – assim como eu, acreditam na estética como um aliado para a saúde e não essas fórmulas milagrosas que tanto se fala por ai.

Ser coerente ao indicar um tratamento para o cliente é a melhor maneira de mantê-lo com você.

Optei por fazer a drenagem linfática do Método Renata França, que ajudou na retenção de líquido e na circulação pós vôo.

O método – apesar de ser conhecido de muito gente – vale explicar, não é uma drenagem comum. Movimentos, pressão e velocidade são bem diferentes da drenagem convencional. Além de diminuir a retenção de líquido, faz um verdadeiro detox e ainda modela o corpo.

Mas a grande novidade da Bem Viver vem de dois tratamentos exclusivos, o Press Fat e o Press Fat Plus, que foram desenvolvidos na própria clinica e tem aprovação da anvisa.

A sessão de massagem que iria demorar 1h acabou virando uma manhã inteira, entre risadas e inspirações de vida, advinha só? Recebi uma amostra do que é o Press Fat. Tudo bem que foi uma única sessão e ambos são tratamentos, precisam de frequência. Tanto que o pacote sempre é vendido com o total de 10 sessões, 2 na semana.

Os tratamentos são associações de mesclas lipoenzimatica aplicados com aparelhos de alta tecnologia. A principal diferença entre os dois é que o Press Fat Plus tem em uma de suas associações um acelerador metabólico.

O grande diferencial desses tratamentos para os demais é a introdermoterapia pressurizada, ou seja, através de um aparelho acontece a aplicação das mesclas de maneira indolor, sem qualquer tipo de desconforto ou marcas. O que mais chamou minha atenção foi justamente o fato de não ter agulhas, coisa pouco comum em tratamento estético.

Sempre acho que novidades assim devem ser compartilhadas, afinal, é bom saber que os resultados vão chegar e você não vai precisar sentir qualquer picadinha 😉

Gastronomia, esporte, estética, moda e acessórios! Ufa! Essa viagem para Belo Horizonte rendeu, rs. Por ter um estilo mais básico, gosto de apostar em detalhes que vão fazer diferença na produção.

Quando conheci a Mônica, percebi que existia algo diferente em suas semi joias. O cuidado na escolha das peças, a qualidade e o estilo fazem parte de uma verdadeira curadoria! As escolhas são sempre por peças atemporais, que podem ser usadas no dia a dia ou até mesmo em festas. Os valores da Monica são ótimos e vale a pena a consulta por direct do instagram ou whatsapp.

Minhas escolhas 😉

Um dos maiores presentes que ganhei nessa viagem foi uma ida até o Topo do Céu, um lugar com visual incrível e pista de vôo livre. Como fui no final da tarde, as condições de vôo não estavam tão boas, mas aproveitei o visual para fazer fotos com a Aline. Sim, além de dividir a gestão da Antonieta com a Marcela, a Li é fotografa – e das boas, viu? Todas as fotos desse post são dela. Ah, e a produção toda é da Marcela, que além da Antonieta também faz um trabalho incrivel como stylist.

E depois de tanto eu só queria dizer que são belos não só os horizontes da capital mineira, as pessoas que cruzaram meu caminho todos esses dias por lá são incrivelmente belas e inspiradoras.

Obrigada BH! Até breve 😉

Juliana Manzato

Juliana Manzato

Apaixonada por amor, cachorros, textos e coisas inspiradoras.Adora fotografia, mar, sol, doce de padaria, verão e olhar o céu azul. Faz da vida poesia e textos. Muitos textos!Sonhos? Vive deles
Juliana Manzato

Últimos posts por Juliana Manzato (exibir todos)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.