Meu amor por Marilyn

0
“Debaixo da maquiagem e por trás do meu sorriso, eu sou apenas uma menina que deseja o mundo.” 
Marilyn Monroe

Marilyn não era nada mais do que uma  mulher bonita, com uma marcante pinta no rosto e sexy symbol de uma época. Só tinha a visto na famosa foto do vestido levantado pelo vento. Mas, curiosa que sou, alguma coisa me fez querer entender melhor aquele sorriso.
Achava todo aquele mito em volta dela estranho, algo ali não me convencia de que era tudo tão belo assim. Conheci sua história, a história de Norma Jean, e ao meu ver, ela e Marilyn eram pessoas diferentes.
Imagem: reprodução
Afinal, qual mulher não tem inquietações profundas, qual não quer ser vista além de seu corpo? Eu acho que Marilyn, por trás daquele deslumbramento, queria mesmo era ser amada simplesmente por ser ela. Sem holofotes, sem maquiagem. Enxergo nela, apesar de ter sido elevada ao nível máximo de sensualidade, uma mulher ingênua buscando ser aceita por pessoas que nem sempre se importavam de verdade. (Quem nunca?)
A menina que queria o mundo o colocou em uma garrafa e o virou para dentro. Foi intensa, amou demais, se machucou demais – até por ela mesma. Questionava-se, um turbilhão de pensamentos atormentados passavam em sua cabeça, mas quando colocava um sorriso no rosto não tinha pra ninguém. Acho que toda mulher tem essa beleza, esse poder de ser diva até em momentos nebulosos.
Marilyn sabia que mulheres comportadas raramente fazem história e fez a sua do seu jeito. Apesar de seu final triste, ela deixou perpetuada uma beleza incontestável e um riso espontâneo gostoso de ver. Meu amor por Marilyn é por isso, por ser menina e ser mulher, ter beleza sem ser rasa e por tantas vezes procurar nas palavras mostrar o que sentia com uma sinceridade peculiar.
Marilyn me ensinou que ser mulher não é só se preocupar com o que vestir  ou em ter rosto de porcelana, mas sim a assumir seus próprios medos e a sorrir leve, ainda que isso pareça contraditório. Acho que isso é bonito de verdade e ela iria gostar de saber que toda mulher tem um pouco de Marilyn.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.