OS LIVROS QUE VOCÊ PRECISA LER | SUPER DICAS

0

Leia ouvindo: Tourist –  We stayed up all night 

Se você está pensando em renovar os livros da cabeceira, esse post lhe cai bem. Não são os últimos lançamentos, mas são bons livros para comprar e devorar entre uma correria e outra.

Escolhi quatro livros com temáticas bem diferentes para indicar. Como leio 5 ou 6 livros juntos preciso de diversidade para a leitura não cair na mesmice e ficar rodeando os mesmos temas. Tá ai outra dica, diversifique a leitura! Essa foi uma das coisas que me fez ser oficialmente, devoradora de livros.

A ELEGÂNCIA DO OURIÇO – MURIEL BARBERY 

Muriel, a autora do livro é nascida no Marrocos, formou-se na École Normal Supérieur, em Paris, e lecionou filosofia em Saint-Lô, na Normandia. Sua história por si só já rendia um belo livro, mas Muriel com tamanha bagagem decidiu escrever dois, fantásticos por sinal.

A morte do gourmet, seu romance de estréia lá nos anos 2000, eu ainda não li, mas Muriel me encantou com A elegância do ouriço.

Um livro rico em detalhes e falas cotidianas, deixa o leitor entrar na história pela porta da frente, com mágica e simplicidade, seus personagens são encantadores e reais. Renée, por exemplo, é a personagem principal e no inicio me causou certa antipatia, com o passar das páginas fui me apegando até me apaixonar por ela. Paloma foi um caso de amor à parte, a maturidade de escrita e filosofias em seus diários são incríveis. Um chacoalhão poético para crises reais.

A história prende e os outros personagens são igualmente fascinantes. Para conhecê-los, recomendo a leitura!

Fotografia: Juliana Manzato
Fotografia: Juliana Manzato

COMO SER UMA PARISIENSE EM QUALQUER LUGAR DO MUNDO

É o meu livro preferido no mundo – e de cabeceira até hoje, para falar a verdade. Tenho uma certa queda pelo lifestyle das parisienses. Da moda –  tão aclamada, ao dia a dia – tão rico em essencialismo. Para mim, os franceses deveriam ensinar o mundo como a viver melhor e com equilíbrio. Menos por lá, é mais. Muito mais.

O livro foi escrito por quatro autoras: Audrey, Caroline, Sophie e Anne, todas parisienses!

Como ser uma parisense em qualquer lugar do mundo te mostra a felicidade e os dramas da vida de mulheres reais. Já escrevi sobre ele aqui no site, e como costumo dizer, ele é a cápsula diária que toda mulher deve tomar pela manhã. Como fica na minha cabeceira, ele se tornou o meu “Minutos de sabedoria” e risadas.

Com leitura fácil e gostosa, o livro traz boas dicas, fotos incríveis, piadas e ironias que só as francesas sabem fazer.

Fotografia: Juliana Manzato
Fotografia: Juliana Manzato

NÃO HÁ TEMPO A PERDER – AMYR KLINK EM DEPOIMENTO A ISA PESSOA

Amyr é o meu super herói preferido. Sou doida nele. Sempre fascinada com suas expedições e vivências, acho Amyr “o” cara! Se você ainda não leu Mar sem fim (O meu favorito) e Cem dias entre céu e mar, leia. São dois ótimos livros para se apaixonar por ele.

Em seu novo livro “Não há tempo a perder”, Amyr conta suas histórias e perrengues a Isa Pessoa. É um mix de relatos pessoais, depoimento de amigos e fotos incríveis de suas expedições. Amyr conta no livro ricos detalhes de sua visão de mundo e seu fascínio pela engenharia da necessidade, cultura do compromisso e solidariedade. É uma verdadeira aula de gestão!

“Mesmo as ideias mais absurdas podem se tornar factíveis – se você se compromete a destrinchar cada pedaço do caminho. Para o navegador, escritor e empresário Amyr Klink, homem que dedica sua vida à prosaica atividade de se deslocar sobre os oceanos, não há tempo a perder. Sorte é algo que a gente contrói, a vida é curta para repetir caminhos. Este é um belo livro sobre a escassez, o medo e a nossa misteriosa capacidade de começar, realizar e concluir, fazendo o máximo com o mínimo.”

Fotografia: Juliana Manzato
Fotografia: Juliana Manzato

REINVENÇÃO DA INTIMIDADE – CHRISTIAN DUNKER

Dunker foi um presente de 2017! Já tinha ouvido falar desse psicanalista e professor da USP através de amigos, mas o presente veio através do fantástico “Reinvenção da Intimidade – Políticas do sofrimento cotidiano”, livro lançado esse ano pela editora Ubu.

Apesar de suas outras (tantas!) obras incríveis, a Reinvenção da Intimidade veio para cutucar a ferida que pulsa em todos nós. A cada novo item muito bem endossados por filósofos, doutores e pensadores, Dunker nos dá um tapa na cara.

Não é livro leve, longe disso, é profundo demais. É necessário coragem para ler e absorver verdades sobre o sofrimento cotidiano que atinge todos nós, inclusive eu e você. Leitura recomendadíssima!

Fotografia: Juliana Manzato
Fotografia: Juliana Manzato

Boa leitura! 😉

Juliana Manzato

Juliana Manzato

Apaixonada por amor, cachorros, textos e coisas inspiradoras.Adora fotografia, mar, sol, doce de padaria, verão e olhar o céu azul. Faz da vida poesia e textos. Muitos textos!Sonhos? Vive deles
Juliana Manzato

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.