Sinto saudade

0

Nasci no final do verão, por pouco não era outono. Achei 12 de março uma boa data e decidi vir ao mundo em uma manhã ensolarada de um sábado, que segundo a minha mãe, foi a manhã mais bonita de todos os tempos.

É, eu não poderia ter ligação melhor com o universo. Nascida num sábado de sol, naqueles últimos dias de verão…

Nunca escondi de ninguém que é no verão que eu me sinto em casa. Adoro aquela coisa de pouca roupa do verão, ficar na piscina todo final de semana, descer para praia quando der vontade, curtir um final de dia num boteco sujinho, tomar sol, deitar na rede e tirar uma soneca gostosa, reunir amigos para um churrasco, tomar água de coco, correr na praia, tentar pegar onda, tomar banho de mar, rio, cachoeira ou um açai com banana e granola no fim do dia.

As melhores histórias da minha vida aconteceram no verão. Tenho uma ligação absurda com o mar e lugares como Ubatuba, Paraty e meu último caso de amor foi com Ilhabela. Para muitos lugares simples de passar férias ou finais de semana, mas pra mim… são lugares mágicos.

Verão para mim é uma estação mágica, tem tanta luz, calor, amor que dá até pra se sentir abraçado. Apesar de adorar Campos do Jordão no inverno, e ser bem clichê quanto a isso, adoro viver o verão com tudo que tenho direito. É chinelo o dia inteiro, sorriso no rosto, amigos reunidos e histórias para contar.

É, tá explicado porque eu amo tanto sol e os sábados, eu nasci assim, cresci assim e vou ver ser sempre assim… apaixonada pelo verão.

O inverno nem chegou e eu já estou contando os dias para ir embora, eu fico com o sol, sem medo de ser feliz.

{ Tô no meu lugar preferido! } 

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.