TROQUE AS FOLHAS

0

Leia ouvindo: Lana Del Rey – Video Game 

Já é outono e eu nem percebi. A luz do dia já mudou, o azul do céu também ganhou outra tonalidade. Parece até que o dourado do verão deu uma desbotada, tipo aquela camiseta velha que a gente adora.(Camisetas velhas são boas aliadas para o guarda roupa de uma garota).

O outono tem a sua graça, o dourado desbotado também, assim como as camisetas velhas. Gosto de acreditar que o outono tem essa cor por que guarda boas lembranças do verão. E lembranças são também bons aprendizados. Enquanto o verão é intenso demais, o outono é mais ameno, centrado, equilibrado. Não que intensidade não seja bom, mas cansa.

Camiseta nova é sempre legal, mas tem aquelas, sabe? Que a gente gosta tanto que usa como abraço. A malha já desgastada, a quase cor, o conforto, as histórias.

O meio termo é aquela boa linha para colocar as situações em outra perspectiva. Vestir camiseta velha em dias não tão bons assim também.

Enquanto nos extremos é exigido uma posição, no meio termo existe a opção de troca. Você pode mudar de ideia, pode experimentar, ir e voltar, experenciar. Talvez por isso, a sabia natureza também faça suas escolhas e trocas.

Troca-se de roupa, trocam-se as folhas. A grande lição? Renovação.

As antigas folhas servirão de adubo para as raizes. É cíclico. Uma hora folha, na outra nutriente. Assim somos nós, ora professores, ora alunos. Ora de camiseta nova, ora voltando para a confortável camiseta velha.

Juliana Manzato

Juliana Manzato

Apaixonada por amor, cachorros, textos e coisas inspiradoras.Adora fotografia, mar, sol, doce de padaria, verão e olhar o céu azul. Faz da vida poesia e textos. Muitos textos!Sonhos? Vive deles
Juliana Manzato

Últimos posts por Juliana Manzato (exibir todos)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.