Vida de aprendiz

2
Imagem: reprodução

Você já chegou naquela fase da vida onde só têm a agradecer? Já passou por momentos ruins e tantos outros bons e aprendeu com eles? Soube aproveitar?

A vida realmente não dá moleza, não facilita nada para ninguém. Depende de nós, do que queremos, do que escolhemos, do que somos e do que nos tornaremos, tudo isso é dependente de nossas ações.
Não tenha medo de quem te quer mal, não afaste quem te quer bem. Reconheça isso, saiba retribuir.
Surgirá, sempre, no caminho muita coisa ruim, muita gente estragada, muito que irá te causar decepções, alguns te farão chorar, outros despertarão raiva, e tantos outros você vai sentir vontade de bater. Mas nada disso deve te fazer perder o jeito de levar e de ver a vida. Não endureça, nem se entristeça. Não perca sua essência leve. Abstraia.
Com os “maus bocados” da vida a gente aprende, guarda a experiência e usa na hora que precisar. Ninguém que preste pode ser movido a ódio, rancor e completa falta de amor.
Agradeça simplesmente por cada pessoa vazia de boas ações que passou pela sua vida, elas com certeza também contribuiram para o que você têm se tornado. Agradeça pelas pessoas boas, elas são/foram de uma importância inestimável. A gente escolhe o que absorve, pode ser bom ou ruim. Depende de nós.
Agradeça, porque diferente de muitas outras você deve ter fé no ser humano, por mais difícil que esta tarefa possa ser. Nem todo mundo merece frieza, desprezo, ingratidão e tantos outros sentimentos ruins. 
Seja justo e acima de tudo; seja humano.

2 Comentários

  1. Shelcia ♕ Diz

    Texto lindo faz muito sentido. A gente é o que leva da vida.

  2. Rafael F Diz

    Dany minha escritora linda *-*

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.