Cai na armadilha…

É, apesar da minha pouca idade levo uma vida louca diferente da maioria das “meninas” da minha geração. Dificilmente saio durante a semana, tento dormir cedo quando trabalho e a faculdade permitem, tento dividir bem meu tempo, amigos, trabalho, familia e juliana (tá, sou péssima pra isso), enfim, tento levar uma vida normal, mas sinceramente não dá!!!!!
Cai na famosa armadilha do tempo: 
-“Ju, vamos tomar um café pra conversar sobre a nossa viagem?”
Resposta: “Meninas, tenho reunião.”
-“Juju, vamos no shopping dar uma volta, tem 3 dias e meio de loucura, várias promoções legais?”
Resposta: “Não vai dar, tenho meu trabalho de conclusão pra terminar.”
– “Filha, vem esse final de semana, tem almoço na casa da vovó?”
Resposta: “Mãe, marquei reunião no sábado, consigo ir no domingo, mas tenho que voltar a noite por que segunda começar tudo de novo e tenho reunião às 9h.”
Não acho mais tempo para nada, faculdade, trabalho e o tempo que me resta: diversão é ligado totalmente aos meus amigos e família. 
Como é dificil ser mulher hoje, além de tocar o meu negócio, tenho que tocar a faculdade, arrumar tempo de jantar com as minhas amigas, brincar com a minha cachorra, planejar o projeto verão para o corpitcho, decidir quando vou poder tirar férias, resolver problemas, ver se a casa está organizada, ir no supermercado, fazer a unha, depilação em dia…CHEGA!
Hoje estou tipicamente: – Para o mundo que eu quero descer!!!!! 
Que dificil arrumar um tempinho para colocar as idéias no lugar, fugir de tudo, viajar, esquecer dos compromissos…
Mas calma que ainda esqueci da pior parte: – Cadê o namorado?! Oiiiiii né gente?! 
Mal tenho tempo pra minha família e amigos, e as vezes nem pra mim, aonde cabe alguém me diz?!
Ok, muitos vão dizer: “- Ahhh! Mas quando você quer ter alguém dá pra conciliar tudo!” Aham!!
Claro que dá. Se alguém achar um homem: Legal, inteligente, companheiro, sincero, que entenda a minha vida louca, isso significa que muitas vezes não vai me ver nas sextas a noite, ou mesmo nos domingos, que entenda as minhas viagens a trabalho e que queria estar do meu lado mesmo quando eu estiver mal humorada e cheia de coisas para resolver. Pode me trazer AGORA! 
Meninos, vocês querem mulher moderna, mas ainda pensam na “Amélia”… oiii!!!
Simples, a mulher leva uma vida louca aceite ela assim, não tenta mudar as coisas ou reclamar. Sabe aquela situação em que vocês também trabalham muito, que também se irritam, que também estão cansadas, pois é, acontece na vida feminina, JURO!!! Compreensão PLEASE!!!!
To meio tolerância zero, mas infelizmente a realidade é essa…
Por fim, CONSELHO MEU BRASIL: Pisar no freio! 
Eita receita para levar uma vida das boas, viu que está indo rápido demais, que a vida é SÓ trabalho, que seu foco de vida mudou, parar e analisar é sempre a melhor solução.
O problema é realmente pisar no freio, se alguém souber me avisa, por que como já dizia vovó: “Faça o que eu digo, não faça o que eu faço”.

Beijos =)

Juliana Manzato

Últimos posts por admin (exibir todos)

admin

8 comentários em “Cai na armadilha…

  1. Jú e quem consegue pisar no freio hoje em dia ou gritar pra parar o ônibus que quer descer ? Não adianta, é a vida de todos hoje é dia…

    Queria eu tocar meu projeto de Auto coco verde na praia e deixar a correria do dia-a-dia de lado, mas sabe o que eu acho que aconteceria ?

    Eu iria morrer de tédio, porque essa correria, esse pique, é o que nos deixa vivo, o que nos da ânimo pra correr atrás dos nossos objetivos, tudo bem que podemos não ter espaço para outra pessoa, que é dificil conciliar esse tempo/espaço, mas se essa correria te deixa feliz, bora tocar pra frente que em algum momento de calmaria você encontra, ou vai ser encontrada por alguém bacana que veja qualidades nos seus defeitos e te entenda como um todo !

    E como eu já disse antes, me deixem zerar em paz !

    😀
    Léo

  2. Oi Ju, realmente tem dia que é noite! rs
    Eu estou nessa correria louca e entendo perfeitamente o que você passa, mas ainda não posso pisar no freio.
    Felizmente, enocontrei o homem que você descreveu, digo que é caso raro e motivo para não largar nunca! Felizmente o Gu me compreende e é muito sutil até para expressar-se quando sente que o estou deixando de lado.
    Mas é a vida flor, é bom manter-se alerta mesmo para não ser consumida pelo trabalho. Afinal, a gente trabalhar para garantir uma boa vida pessoal, só que às vezes a gente esquece…
    Um beijo flor!
    Estou amando o seu blog!
    Re

  3. Receita de bolo p/ ser feliz: tudo nessa vida, de certa forma, é sazonal, portanto esse “sacrifício” que vc está passando agora, na realidade vc está plantando para colher mais tarde. Não dá para se ter tudo ao mesmo tempo, portanto, só vc pode estabelecer suas prioridades (p/ agora) e suas metas (p/ o futuro), definindo isso, vc encontra sua resposta, mas também pode quebrar as regras, se vc acha que o que está fazenedo agora, não a levará a lugar nenhum, jogue tudo pro alto e vá a luta pelos seus desejos e enaseios, só se vive uma vez (e olha que sou messiânico e acredito na reencarnação. Muitos que tiveram coragem, são felizes agora, pois abriram mão, desapegaram de valores estabelecidos pela sociedade.Outra solução mais simples, tente a sorte na loteria, quem sabe chegou sua hora? Super boa sorte p/ vc e não se esqueça dos amigos depois que alcançar seus objetivos e ser feliz. Mas eu tenho certeza que vc já é feliz, pois tem muitos amigos :)D Beto Lima

  4. Oi,
    Esse é o mundo que escolhemos. Rápido, agora, já. O daqui a pouco não tem vez. Se não for agora, não precisa mais. Péssima influência que conquistamos dos americanos – time is money. E de tempo em tempo, acumulamos tarefas e tarefas ficam pesadas e depois de pesadas, começam a cansar os ombros e depois dos ombros cansados começamos a faltar e nessa falta as cobranças chegam. Aí a brincadeira fica chata. E não se iluda que no futuro as cobranças diminuirão. Só aumentarão. Hoje são amigos, pais, cachorro, professores, colegas de trabalho, sócios, clientes e namorado. Amanhã, serão os mesmos, só que com uma carga extra: a sua auto-cobrança. Hoje eles cobram, amanhã, você acha que “deve obrigação” de dar atenção. Então, pule essa fase e comece a priorizar o que realmente é importante. Faça isso com calma, faça isso pensando em VOCÊ. Pensar na gente não é egoismo, é amor próprio.E quem se ama, tem mais chances de atrair quem amará a gente. Uma pessoa que estará ao nosso lado, seja todo dia, seja uma vez por mês. Aquela pessoa que estará pensando em você na frente da sua porta há mais de uma hora com uma caixinha de Nhá Benta nas mãos, torcendo pra você chegar logo e te ver sorrir. Gostando de você e priorizando seu tempo, será fácil encontrar aquela pessoa que estará na vibe de entrar no seu embalo, pode ser na sua casa ou te encontrando após uma reunião no Rio de Janeiro, por que não? Quem disse que uma reunião fora pode ser ruim? E quem disse que uma companhia só encherá ainda mais o seu tempo. Ele pode dividir o peso com você. Tudo vai depender de como você fizer a divisão, certo? Se o tempo quer pesar em cima de você, roube no jogo e use-o como peso de papéis. Bjks.

  5. Rezoca,

    Você sabe exatamente do que eu to falando, passamos por fases parecidas, a única diferença é que você tem o Gu, que é um fofo com vc, além de ser uma ótima pessoa…
    Aproveita muito isso e valorize sempre, é dificil encontrar alguém legal hoje…você deve imaginar isso!
    To adorando o seu blog também!!!!

    Beijos

    Ju

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Voltar ao topo