Casar?

4
Minha mulher e eu temos o segredo para fazer um casamento durar:
Duas vezes por semana, vamos a um ótimo restaurante, com uma comida gostosa, uma boa bebida e um bom companheirismo. Ela vai às terças-feiras e eu, às quintas.
Nós também dormimos em camas separadas: a dela é em Fortaleza e a minha, em SP.
Eu levo minha mulher a todos os lugares, mas ela sempre acha o caminho de volta.
Perguntei a ela onde ela gostaria de ir no nosso aniversário de casamento, “em algum lugar que eu não tenha ido há muito tempo!” ela disse. 
Então, sugeri a cozinha.
Nós sempre andamos de mãos dadas…Se eu soltar, ela vai às compras!
Ela tem um liquidificador, uma torradeira e uma máquina de fazer pão, tudo elétrico. Então, ela disse: “nós temos muitos aparelhos, mas não temos lugar pra sentar”. Daí, comprei pra ela uma cadeira elétrica.
Lembrem-se: o casamento é a causa número 1 para o divórcio. Estatisticamente, 100 % dos divórcios começam com o casamento. Eu me casei com a “senhora certa”.
Só não sabia que o primeiro nome dela era “sempre”.
Já faz 18 meses que não falo com minha esposa. É que não gosto de interrompê-la.
Mas, tenho que admitir: a nossa última briga foi culpa minha.
Ela perguntou: “O que tem na TV?”
E eu disse: “Poeira”. Luís Fernando Veríssimo

Como disse meu pai: Se casamento fosse tão bom, não haveria tanto divorcio.
Beijos
Juliana Manzato
Últimos posts por admin (exibir todos)

You might also like More from author

4 Comments

  1. Caio Blumer says

    “O Melhor das Comédias da Vida Privada”… Veríssimo é Veríssimo seja nas crônicas seja no sax. 🙂

  2. Thiago says

    “O casamento é uma união entre duas pessoas em que uma sempre está certa e a outra é o marido. Não é à toa que no dia do casamento ela vai de branco e ele, de preto”. A primeira é do Veríssimo, nosso ídalo. A segunda é Rafinha Bastos mesmo.

  3. Anonymous says

    Sra oncinha, vc está decepcionando as suas seguidoras, todas pretendemos casar um dia, ter filhos, constituir uma familia. Creio que ha casamentos como o dos meus pais os quais vivem em constante harmonia, raro ver brigas e discussões, mas o convivio coletivo gera atrito, isso podemos notar com nossas mães, pais e irmãos os quais convivemos diariamente.
    Acho que o casamente é algo fundamental para a sociedade, e os divorcios são aitutes de pessoas disvirtuosas, que nao tem amor proprio e nunca amaram o proximo

  4. Dona Oncinha says

    @Caio Ele é phoda. Concordo plenamente!

    @Thiago HAHAHAHAAHAHA

    @Anônimo Não decepcionei, só mostrei o outro lado do casamento. Até acredito no amor, apesar da sua banalização, mas casar achando que vai ser feliz pra sempre não dá. Se for para casar que seja sabendo tudo: lado bom e lado ruim.
    Veríssimo escreve exatamente o lado do ruim do casamento, dos desentendimentos por pouco, da rotina, enfim de tudo, de maneira genial e engraçada!
    Prometo mais textos defendendo o casamento!

    Obrigada pelos comentários!

    Beijos

    Ju

Leave A Reply

Your email address will not be published.