CULT * UM ANIME, UMA SÉRIE E UM LIVRO

Dizem que somos o que consumimos, desde amores as frutas, das pessoas as séries.

0

Leia ouvindo: ABBA – Dancing Queen

Compensar os chamados das horas, com conteúdo que valham a pena de verdade. Dizem que somos o que consumimos, desde amores as frutas, das pessoas as séries.

Cheguei à conclusão de que sou um turbilhão de coisas, uma curiosa por natureza que consome vorazmente livros, séries, animes, um curso online, uma nova paixão. Entro em uma nova história e a carrego para vida, tanto que às vezes quando perguntam qual livro ler, qual série assistir, qual anime do momento surge uma grande interrogação na cabeça. Mas esse assunto não cabe neste espaço.

Quer saber o que fazer em mais um final de semana em casa? Tenho três dicas diferentes. Um anime, da Netflix, uma série da HBO e um livro que é a série escrita!

Anota esse nome: Your Name. Se você quer uma história de amor, aventura e que te faça pensar: “O que está acontecendo aqui?” por favor, corra ara assistir! Um anime aclamado pela crítica e pelo meu coração. Sempre que preciso preencher o coração de esperança, assisto a brilhante história escrita pelo Makoto Shinkai.

É muito sobre empatia, respeito ao corpo do outro e sobre uma atitude e união de uma comunidade podem mudar o futuro. Acho que cabe só um pouquinho para nosso momento.

A indicação de livro e série é quase a mesma. Se você não ouviu falar Elena Ferrante, talvez não tenha boas irmãs como eu tenho (brincadeira!). Corre na HBO e procura por A Amiga Genial, mas você  também tem a opção de comprar o primeiro livro. É uma série de quatro livros, que serão devorados em poucos dias, juro.

Na série, a fotografia e interpretação de todo elenco arrepia todos os pelos do corpo e, no meu imaginário, personifica lindamente as personagens que conheci em várias páginas do livro.

No livro, quando você percebe, terminou as 336 páginas com o coração na boca. As personagens da série napolitana que acompanha a vida de Elena Greco e Raffaella Cerullo na década de 50 traz à tona muitas questões que são temas aqui, no Cotidiano Dela, e outras ainda mais profundas.

É muito interessante ver a luta de meninas para a frequência na escola em uma época que conhecimento e educação não era importante, já que precisava toda uma família trabalhar para colocar o pão na mesa.

Ler e ver o amadurecimento das duas amigas, nos leva a refletir sobre o nosso próprio crescimento. Às vezes o cotidiano não nos dá chances de perceber nossas falhas e comparações.

Se você já teve algum contato com as minhas indicações, conta ano Instagram para a gente! Me diga o que achou 🙂

Luiza Pellicani
Últimos posts por Luiza Pellicani (exibir todos)

You might also like More from author

Leave A Reply

Your email address will not be published.