CULTURA POP | Into the Wild

Leia ouvindo: Eddie Vedder – Guaranteed

Já tinha assistindo “Into the wild” no início da faculdade, diga-se de passagem um dos melhores e maiores períodos de turbulência da minha vida. O filme obviamente me marcou, para não dizer que transformou. Assisti dentro do contexto “interessante”.

Há um mês assisti novamente, 9 anos depois (o filme é de 2007), e o contexto mudou para F-A-N-T-Á-S-T-I-C-O! Perturbador e ao mesmo tempo transformador. Sean Peann foi genial na direção! Uma história que te prende de maneira única. Christopher McCandless, aliás, Alexander Supertramp, é como nós todos, na busca pelo melhor de si. Uma busca incansável pelo bom motivo para estar por aqui.

into-the-wild

[ Imagem: reprodução ]

Alguém que decide ir contra o sistema de verdade é admirável! Sumir da casa dos pais, abrir mão de uma vida confortável, dinheiro e “futuro”. Não sei para vocês, mas para mim futuro é algo tão relativo! Alex decidiu se isolar do mundo para encontrar aquilo que fazia sentido para suas perguntas. Respostas variáveis, e mundo cruel até mesmo em meio à natureza selvagem, mas de fato, cheio de gente inspiradora.

Apesar do extremo, o filme é de empatia única e loucura também. A escolha de McCandless é uma reflexão válida para a sociedade em que vivemos. Para os nossos propósitos principalmente!

A trilha sonora é fora de série! Assinada por Eddie Vedder, vocalista do  Pearl Jam, uma das minhas bandas favoritas nessa vida. Vale ouvir para momentos de pura inspiração, viu? Não tive como escolher uma favorita, ouça a playlist toda. É incrível!

Por fim, mas não menos importante, a fotografia do filme é maravilhosa! Uma visão nada óbvia da beleza natural (e selvagem) dos EUA e uma breve passagem pelo México.

Juliana Manzato
Últimos posts por Juliana Manzato (exibir todos)

Juliana Manzato

Apaixonada por amor, cachorros, textos e coisas inspiradoras. Adora fotografia, mar, sol, doce de padaria, verão e olhar o céu azul. Esportista. Feminista. 80 porcentista. Irônica eu? Imagina.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Voltar ao topo