E Daí? | Por Doce Veneno

E daí?
Não, não é do hit sertanejo – “se eu quiser farrear, tomar todas no bar, sair pra namorar o que é que tem?” – que estou falando. Estou falando do descaso que cada um planta dia a dia, consigo e com a comunidade. Mas como assim? Eu posso explicar.

Diante do verão mais chuvoso que já presenciei, pergunto: você ajudou de alguma forma alguém que esteja precisando nesse momento? Seja lá no Haiti, seja ali no Rio de Janeiro, seja no bairro de sua cidade que alagou, seja com seu vizinho ou seu amigo ou seus parentes… você olha toda essa desgraça e diz: coitados…mas e DAÍ NÉ? As pessoas são egoístas Quantos “e dais” internos você já disse?

Tomo como exemplo uma certa vez, um amigo próximo que sabia que eu andava engajada em causas de animais de rua e veio me “solicitar ajuda”, pois uma cadela na rua dele estava no cio e logo teria filhotes. Expliquei que precisava de algum lugar para recuperação dela, porque a ajuda que eu podia dar era castrá-la e assim, evitaríamos os demais tormentos, no que ele, sem dúvidas, me revidou: “mas você vai matar os filhotes! Que tipo de ajuda é essa?” – No que eu respondi: “e você, faz o que pra ajudar o que ou quem?”

Silêncio absoluto pairou no ar e depois veio a resposta:  “desculpe, depois dessa eu tenho mais é que ficar quieto mesmo.”

 As pessoas têm a mania de transferir o problema e não resolvê-lo, percebem? Mas isso é assunto para outro post…

Quando há alguma campanha na empresa que você trabalha, no mercado que você costuma ir – de agasalho, ou agora de ajuda as vítimas das enchentes – você se dá o trabalho de arrumar seu guarda roupa e doar tudo aquilo que já não é mais útil a você? Busca fazer uma vaquinha com as pessoas do seu convívio social para arrecadar fundos e ajudar esses necessitados?

São perguntas que você pode e deve fazer a si mesmo e questionar se você é uma boa pessoa, se não pode ser melhor. Eu ainda acredito que podemos ser melhores sim, todos os dias e a cada dia. É claro que tem dias de TPM, dias cinzas, dias de dificuldades extremas pois são essas diferenças que nos fazem humanos, mas é  importante, às vezes, olharmos para dentro de nós e refletirmos no que estamos empenhados em fazer na vida e se isso está valendo a pena. Olhar e enxergar o que tem melhorado e o que poder vir a melhorar =]

E já que você leu até aqui, continue, click e ajude! São campanhas muito bacanas que encontrei na internet há um tempo e apenas com um click, você doa alimentos e outros tipos de ajudas para determinadas campanhas, aqui e aqui

 

 

Aproveite, coloque em seus favoritos e clique todos os dias =] o Mundo agradece sua colaboração seja ela qual for. Sempre. E caso você tenha alguma indicação de sites com os mesmos tipos de iniciativa, comente e deixe o contato para que possamos ajudar, ao menos, divulgando por aí.

Bjo da Doce.
Últimos posts por admin (exibir todos)

admin

Um comentário em “E Daí? | Por Doce Veneno

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Voltar ao topo