É teu

Percebo que quanto mais velha fico, mais lugares são tomados de mim. O coração é um deles. O que antes era reservado para os meus pais, acabou perdendo espaço para uma vida e pessoas que escolho fazer parte dela.

Essas escolhas, confesso, que custam um preço alto. Não sei o quanto elas vão levar de mim, e nem o quanto ficará delas por aqui. Geralmente a minha doação é alta. Sou entrega, não meio termo. E sabendo que sou assim, devo te dizer que apesar de você ter ido há algum tempo, o teu espaço continua aqui.

Pode passar muitos anos, mas existem aquelas pessoas que a gente não esquece. Pode ser por terem sido boas ou ruins, engraçadas ou chatas, amorosas ou frias, podem ter ficado muito ou pouco tempo, nada disso importa, elas permanecem. Não como fantasmas ou mágoas, mas são o passado-presente. Querendo ou não, devo tudo o quê sou à elas. São pessoas que a gente demorou para transformar em saudade, para entender que o amor acabou ou que a amizade não valeu tão a pena.

{ Imagem Bruno Stuckert }
{ Imagem Bruno Stuckert }

Já passei por todas essas fases, já não era mais tudo aquilo que um dia foi e é natural as coisas acabarem. Se a nossa vida acaba, porque o resto não terminaria? Triste eu sei, mas tão real. Achei o melhor tom para dizer que você levou um pedaço grande de mim, o amor acabou, a saudade passou, mas você continua. Continua sendo aquilo tudo que eu sei sobre amor, acertos, erros e relacionamento. Não é um pedido de volta ou uma declaração de amor, prefiro chamá-lo de manifesto para aquele alguém que levou um pedaço seu.

Espero que você tenha guardado esse pedaço meu com você, assim como espero que ainda se lembre de mim e das nossas histórias juntos. Espero que esteja aumentando o número das suas tatuagens e que ainda goste de desenhar, você sempre teve talento. Espero que leve à serio aquele lance do “se cuida”, que esteja fazendo cursos e planejando a sua viagem para NY. Espero também que ainda use xadrez, camisetas divertidas e jeans. Que ainda curta Strokes e que tenha começado à gosta de Sofia Coppola. Espero que você esteja realmente bem e levando a sua vida da melhor maneira possível e de um jeito que seja realmente feliz. O lugar do pedaço que você tirou continua aqui e nunca vai ser tomado por qualquer outra pessoa. É o meu quarto vazio interno, que eu não deixo colocarem bagunça nenhuma e nem acumular pó. É teu.

No fundo, existem aquelas coisas que permanecem. A gente não sabe que nome dar a elas, ou qual sentimento sentir, elas simplesmentes são suas.

É, é teu, é meu e um dia chamamos de nosso. Hoje é só um manifesto para aquele alguém que levou um pedaço seu.

Assinatura_Ju

Juliana Manzato
Últimos posts por Juliana Manzato (exibir todos)

Juliana Manzato

Apaixonada por amor, cachorros, textos e coisas inspiradoras. Adora fotografia, mar, sol, doce de padaria, verão e olhar o céu azul. Esportista. Feminista. 80 porcentista. Irônica eu? Imagina.

Um comentário em “É teu

  1. Texto lindo como todos os outros…interessante que estou passando por uma fase que ele diz muito a respeito.
    Parabéns!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Voltar ao topo