Escrevi para você

Não sabia como te dizer, resolvi escrever. Eu poderia tentar expressar todas essas coisas que você causa em mim, mas não sei explicar. Não sei quais palavras usar. Sei que você chega aqui e, mesmo não querendo, sempre leva um pedaço de mim. A pergunta que eu me faço é se, em meio a esse laço e enlaço, você também sente isso (?). Mas, há tanto medo envolvido nisso tudo, que eu evito te perguntar. Fico aqui sem conseguir dormir direito, pensando em como poderia ser diferente se não houvesse nada entre a gente.

Eu optei por te ter, e você? Você nem sequer parece se importar. Mas como nem tudo que parece é o que realmente é, eu te deixo voltar. Você volta, me faz um bem enorme e vai. Sempre vai. Sei lá, talvez seja covardia minha suportar as dúvidas. Por inúmeras vezes, a agonia no peito é tão grande, que devo alcançar teus sonhos de tão presente que você se faz. Coisa de alma, dá pra entender? Penso nos poréns, e nada, nada nos impediria de viver isso direito, se o querer fosse mútuo.

2061
{ Imagem reprodução }

Se existe alguém que me deixa sem chão, sem reação, esse alguém é você. Não posso permitir que tirem isso de mim. Queria te pedir para não bater mais a porta na hora de sair. Leve a chave. Queria te pedir para tomar conta de mim. Me abraça. Queria mesmo que você estivesse comigo na hora de dormir. Me esquenta. Pode parecer coisa de paixão besta mesmo, e não ligo. É tão gostoso não saber explicar. É tão bom quando você chega aqui e cola em mim. Se houvesse como usar a racionalidade, haveria uma solução óbvia. Mas, é tudo tão incoerente, fora do lugar e no lugar certo, que a solução deve estar nesse teu sorriso que carrega o meu. Não há o meu sem o teu. Queria te ouvir dizer que não há o teu sem o meu. Me bastaria.

Não vou procurar entender o resto. Eu quero viver tudo isso. Quando acabar, sei que terei lembranças lindas, elas me causarão arrepios na espinha. E se, no fim, você me fizer chorar, terá valido. Quando a lágrima decide cair, é porque houve momentos inexplicáveis de felicidade. O choro é só um forma que o coração usa para nos fazer enxergar o que foi bom. Nem sempre é ruim. Lágrimas de saudade são lágrimas de dor. Dores, na maioria das vezes, necessárias. Não se briga com o coração, ele tem o péssimo hábito de não nos ouvir. Se preocupe com o agora, pensar demais pode estragar tudo. Se você entendeu o que eu quis dizer nas linhas e entrelinhas, fique por hoje. Sinta-se à vontade para voltar amanhã, e depois, e depois… e depois…

Perfil - Dani

Últimos posts por admin (exibir todos)

admin

7 comentários em “Escrevi para você

    1. Eu só queria agradecer por esse site existir. Eu vivi um destes amores de alma, quando você entrega partes de você a outro alguém sem ao menos saber que elas existiam. Foi a melhor época da minha vida e transformou tudo o que eu acreditava sobre relacionamentos. Acabou, ele bateu a porta e não voltou mais. E ontem, antes mesmo de completar um ano do término ele se casou. Ler este texto trouxe a realidade que eu tentei abafar, foi bom enquanto durou mas acabou. E quer saber? Não me arrependo! Tive a felicidade e sorte de viver algo tão puro e sincero como poucos conheceram. A vocês, que escrevem nesse site incrível desejo todo amor e felicidade genuína que há nesse mundo, e continuem espalhando em palavras a luz que existe em vocês.

  1. Já vivi esse turbilhão de sentimentos…è lindo e inexplicável!Só quem sente pode entender…

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Voltar ao topo