Meu carnaval particular

Leia ouvindo: Quase sem querer / Same Love – Felipe e Fernando Cover

Vou sair da cama na ponta do pé. Tentar não te descobrir e nem descobrir teus pés. Vou ali encostar a cortina, pra esse sol ousado não cortar seus olhos e te acordar. Todo mundo quer te assistir dormindo, até o sol. Vou sair devagarzinho, sem fazer barulho na porta e torcendo pra que eu não deixe nenhum utensílio da cozinha cair. Juntar todos os ingredientes que eu tiver na geladeira e preparar o melhor café da manhã que os filmes de romance me ensinaram.

Desculpa os meus trajes de sono, meu moletom surrado e meu cabelo bagunçado. Acho que passarei o final de semana assim. Teu samba ainda tá ritmando dentro do meu peito. Tô tão feliz de ter você aqui, que dançaria frevo sozinho na minha cozinha. Que me desculpem as baterias das escolas de samba e todo o povo da Inglaterra. Rainha de verdade tá lá no meu quarto, dormindo na minha cama e ainda vestida com a minha camisa dos Strokes. Ela tá fantasiada de amor. O meu amor.

oncinha

[ Imagem: reprodução ] 

Folia pra mim foi o que aconteceu ontem. Aquele vinho que ainda está na mesa, mas agora é só uma garrafa vazia que eu enchi com uma história espetacular da noite anterior. O efeito da bebida que só acelerou a tua respiração e deixou meu coração num ritmo totalmente descompassado. Quase fora de controle. A percussão a gente fez com a batida do coração, a cama batendo na parede do vizinho e todos os suspiros que você não conseguia segurar. Ritmo perfeito. Som tão bom que até arrepiou.

Eu sou bem simples, daqueles fáceis de agradar. Que se contentam com um colchão, um cafuné e o teu colo pra ficar assistindo a banda passar. Eu jogo serpentina e confete pela sala se isso vai fazer você se sentir mais carnavalesca. Te sujo de espuma, só pra te procurar no meio dela depois e ver o seu sorriso surgindo devagar, com seu olho brilhando. Cobrir sua covinha com beijos e te mostrar que nesse mundo não tem porta bandeira ou mestre sala que se encaixem tão bem como nós dois.

Gosto do Carnaval pela alegria que contagia o coração das pessoas, pela vontade de ser feliz e essa explosão de amor que acontece em todos os lugares. Não tem como não se apaixonar pelos abraços e os incontáveis sorrisos. É a melhor época do ano. O efeito que ele causa nas pessoas é o mesmo que você causa dentro da minha cabeça. Todo mundo espera o Carnaval pra começar o ano. Eu pego meu Carnaval pela mão e caminho com ele pra cima e pra baixo o ano inteiro.

Acorda meu bem, é Carnaval outra vez.

Assinatura_Jorge

Últimos posts por admin (exibir todos)

admin

4 comentários em “Meu carnaval particular

  1. Oloco meu. Nem acredito que esse texto foi escrito por um homem. Raridade sentimentos como este vir de um. Parabéns, lindo texto!

  2. Égua do texto!!!!
    A cada frase que lia aumentava o meu sorriso. Como se fosse eu fazendo e vivendo tudo isso. Criei essa cena nos meus pensamentos.
    Sensacional!!!!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Voltar ao topo