Meu namorado tem Tinder

Leia ouvindo: Jamie Scott – Unbreakable

A gente sempre acha que vai acontecer com o outro, é mais fácil projetar do que encarar que pode sim acontecer com a gente. Pois bem, ter um relacionamento em tempos atuais é para os fortes, em todos os sentidos. O amor e o caráter nunca foram postos tão à prova!

Foi num meio de semana que veio a notícia de que meu namorado estava no Tinder. Através de um legível print enviado por uma amiga. Perdi o chão!! Por mais que o relacionamento não estivesse incrível, esperava honestidade para resolver a situação e não uma peneira para tapar o sol.

Como assim ele estava namorando comigo e no Tinder? Era uma relação de anos, família de ambos envolvida, ambos correndo atrás de projetos, uma liberdade trocada que não doía, sabe? O que para mim era equilíbrio, para ele era monótono.

Filho da puta!

Qual é o problema das pessoas serem honestas, diretas e práticas? Não quer estar num relacionamento que considera ruim, cai fora! Nunca a vida pediu tanta praticidade. Se escolher parceiros através de um cardápio parece fácil, terminar um relacionamento também deveria ser, certo? Não.

b02afd62503f85a6aa5123d9ac775ac5

[ Imagem: reprodução/ pinterest ]

Tudo que eu menos queria naquele momento era uma DR, não ia adiantar discutir quem estava certo ou quem queria tentar ser feliz. A gente pode e deve ponderar tudo, menos a nossa própria felicidade. Por mais que eu amasse meu namorado, a confiança foi colocada na corda bamba. Minha consciência não merece noites de sono cheias de pesadelo e meu corpo não precisa de insônia, ou vocês acham que dá para voltar a confiar depois dessa pancada?

Nesse caso, eu preferi ser a pessoa que queria ser feliz. Decidi dar paz ao meu espírito e coloquei um ponto final. Não preciso e não quero um namorado presente de corpo ao meu lado e cheios de vontades ali no Tinder.

Não é fácil tomar tal decisão, mas eu sempre achei que por mais exagerado que seja, é melhor cortar o mal pela raiz. Relacionamentos não sobrevivem só de amor ou sexo bom, é preciso criar pilares de sustentação. Confiança e honestidade deveriam ser os primeiros tijolos a serem colocados nessa construção.

Apesar da surra que a vida deu, tenho para mim que é melhor assim. Sofrer agora para cicatrizar depois. Nunca foi o meu ideal, mas provavelmente, toda linha torta vem carregada de explicação. A gente pode não entender agora, mas vai entender tudo depois.

Um respiro aliviado de quem não vai voltar para o ex-namorado. Errar é humano, mas insistir em alguém que está dividido entre você e o tinder, é burrice.

Juliana Manzato
Últimos posts por Juliana Manzato (exibir todos)

Juliana Manzato

Apaixonada por amor, cachorros, textos e coisas inspiradoras. Adora fotografia, mar, sol, doce de padaria, verão e olhar o céu azul. Esportista. Feminista. 80 porcentista. Irônica eu? Imagina.

3 comentários em “Meu namorado tem Tinder

  1. Texto como sempre reflexivo e ótimo! Aliás dificil escolher qual o melhor. No final das contas, vai depender do nosso estado de espirito. Mas independente dele, sempre é bom refletir, afinal podemos não estar passando pelo momento que o texto fala, entretanto é sempre bom ler bons textos, refletir e guardar.

  2. Te entendo muito bem Juliana, meu relacionamento de 15 anos terminou recentemente, peguei minha mulher de papinho com outro no whatsapp, pra mim foi uma bomba, uma facada, fui fiel a ela por todos estes anos, sempre conversamos que se um dia um desejase uma nova pessoa, que terminassemos antes, mas não foi o que aconteceu, isso que nos conhecemos novinhos, crescemos juntos, eu tinha 100% de confiança nela, tanto que ela saia com amigas e nunca me opus, ao contrário, sempre gostei de dar a devida liberdade a ela. Pois bem, hj vivo cético ao amor, pois mesmo depois de 15 anos, sem nunca haver um rompimento, sem brigas, viviamos super bem, e ainda me aconteceu isso,, o que esperar então dos proximos relacionamentos?

  3. Estou passando exatamente por isso! Me senti um pouco incapaz de ser suficiente para alguém !! Dói na alma esse tipo de traição, pois saber que o seu namorado está disponível para flertes em um raio de até 160 km é extremamente humilhante… Mas, vou superar!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Voltar ao topo