O DESAFIO DOS 21 DIAS!

O que me restou? Isso mesmo, ser mais uma das compradoras de bicicletas ergométricas nesse período. Afinal, esteira era muito cara pro meu bolso.

0

Leia ouvindo: Pearl Jam – Just Breathe

Eu não aguento mais!

Se fosse pra apostar, eu diria que essa foi a frase que você mais falou nesse período de quarentena. E eu também, viu? Sou dessas positivas, que sempre vê o copo meio cheio, mas confesso… Fácil não está.

O sedentarismo bate a porta, os hábitos já não são mais os mesmos. O que você faz? Mesmo trabalhando com o esporte, eu estava completamente afastada dele.

Voltei para a casa dos meus pais, no interior, lá no dia 17 de março, quando tudo isso começou. De lá pra cá, acho que já tentei fazer exercícios algumas. Contei quatro. Faz, desanima, descansa. Tira férias? Tem hora que a mente precisa. Daí o corpo já entra no embalo. Mas acima de qualquer barriga chapada, o exercício é saúde.

E, vamos combinar, a atividade física te mantém feliz e motivada pro dia que vai começar ou terminar, não é mesmo? Sou fã da corrida, meia maratonista, mas estive longe do meu esporte favorito por um tempo. Voltei no início do ano. Lembram?

Logo desanimei por não ter objetivo. Sou motivada por isso, não adianta. Flertei com a esteira da academia e… Tcharam… Quarentena. Longe de tudo e todos. O que me restou? Isso mesmo, ser mais uma das compradoras de bicicletas ergométricas nesse período. Afinal, esteira era muito cara pro meu bolso.

Fotografia: Giovana Pinheiro

Como disse, já tentei a rotina de exercícios três vezes. Agora, cheguei na quarta. Mas posso dizer uma coisa pra vocês… AGORA VAI! Mesmo longe da corrida, eu li que quando você repete 21 dias a rotina, você adquire um hábito.

Adivinha se a Giovana não saiu do sofá no domingo chuvoso pra cumprir o objetivo? Virou o quê? Um objetivo! Habemus uma meta. O corpo tá doendo, viu? Estou aqui no meu oitavo dia, feliz e contente, empolgada com essa fase. Me divertindo e fazendo um treino diferente a cada dia. Fiz até um para fortalecer a canela. Outros para corredores.

Sabe? São passos imperfeitos, sem cobrança, mas animada para esses 21 dias. Eu conto o final da jornada. E digo que isso está me fortalecendo como pessoa pra tudo que estamos passando. Quando tudo isso passar: eu quero ser uma pessoa mais saudável e feliz. Quero o esporte ao meu lado e não só como profissão!

Últimos posts por Giovana Pinheiro (exibir todos)

You might also like More from author

Leave A Reply

Your email address will not be published.