O que queremos esquecer é, muitas vezes, o que nos torna inesquecíveis.

Leia ouvindo: Pearl Jam – Sleeping By Myself

Aquele babaca. Ou aquela. Os erros que nos atormentam. De outros. Ou os nossos. As dores. Estas são apenas algumas das tantas coisas que buscamos esquecer. Mas nem sempre percebemos que são estes os acontecimentos que mais nos moldam. Nos ensinam. Engrandecem. Transformam.

As mágoas sempre se vão. Com o tempo, serão esquecidas. Até mesmo esquecidas de serem lembradas. Mas não as suas lições. São estes os sofrimentos com os quais aprendemos. Aqueles pesados erros que não queremos repetir. Nos tornamos mais atenciosos. Carinhosos. Respeitosos. Assim, crescemos. E nos tornamos inesquecíveis.

8176

[ Imagem: reprodução ]

Sim, inesquecíveis. O babaca do passado te transformou na mulher que hoje você é. Ou até mesmo a babaca que um dia você pode ter sido. Sim, porque nós também erramos. Todos. E muitas vezes, são estas as manchas que procuramos esquecer. Sem nos lembrar de que com elas também aprendemos.

Por isso, relembro algo que já disse anteriormente. Se arrancamos as páginas que gostaríamos de esquecer, perdemos muito do que nos trouxe até aqui. As lições. O crescimento. Os carinhos que, amadurecidos, aprendemos a cultivar. Com aqueles que não nos deram. Ou com quando nós mesmos não sabíamos de sua importância. Então, não se esqueçam. Não esqueçam. Porque são em parte estes erros o que nos torna inesquecíveis.

Assinatura_MAT

Últimos posts por admin (exibir todos)

admin

Um comentário em “O que queremos esquecer é, muitas vezes, o que nos torna inesquecíveis.

  1. Perfeito!! Somos a soma das nossas escolhas e as consequências delas.. nossa história é o que nos torna singulares e cada participante desta história (seja esta participação positiva ou não, como coadjuvante ou protagonista) deu sua devida contribuição, à qual devemos ser gratos, pois cada instante vivido e imortalizado pelas lembranças se tornam inesquecíveis!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Voltar ao topo