Olhares

Leia ouvindo: Ben Howard – Promise

Ele realmente gostava dela, estava claro para mim. Existia muito mais do um casal ali, existia uma sintonia sem igual. Qualquer movimento parecia dança. Qualquer olhar, uma doce lembrança. Pareciam driblar qualquer obstáculo e serem invencíveis juntos. Bonito de ver. Fácil de sentir.

Não era qualquer casal apaixonado, parecia existir um contrato de cumplicidade sem qualquer papel assinado. Já era casamento e eles nem sabiam, já era amor antes mesmo de existir qualquer tipo de sentimento. Acredito que casais com tanta sintonia são predestinados. Não é possível que vá existir no mundo, uma tampa que encaixe melhor naquela panela. É um amor que transborda, que encaixa, vai muito além de algo carnal, humano. Só pode ser coisa de Deus. Penso eu com os meus botões.

8169

[ Imagem: reprodução ] 

Ainda em pensamento volto ao olhar dele para ela. Uma raridade sem fim. Uma admiração absurda. Ela retribui o olhar e sorri. Aquele sorriso largo, de mulher realmente feliz. Você percebe que ali a generosidade é movimento, ela dá o ritmo e o som. Um olhar é retribuído com sorriso. Um sorriso sincero com outro olhar. As mãos se procuram quando ficam sós. O corpo pede para ficar mais colado. É preciso um bocado de coragem e um punhado de certezas para se entregar dessa maneira.

Eles parecem essa certeza, de que o felizes para sempre é logo ali. Que se a vida acabar, o amor continua porque chegaram em sua plenitude. Acharam o melhor colo para descansar, a cia para dormir, o beijo de bom dia, o companheiro para o tanto de vida que ainda resta.

É o tipo casal que ama hoje, amanhã e depois, e depois mais um pouco. O futuro até parece um lugar desconfortável para quem ama em tempo presente. Porque deixar para depois o que dá para ser agora?

E assim aprendi o valor de um olhar apaixonado e um sorriso sincero. O segredo do amor deve ser esse: retribuir em tempo presente.

2015_Ju

Juliana Manzato
Últimos posts por Juliana Manzato (exibir todos)

Juliana Manzato

Apaixonada por amor, cachorros, textos e coisas inspiradoras. Adora fotografia, mar, sol, doce de padaria, verão e olhar o céu azul. Esportista. Feminista. 80 porcentista. Irônica eu? Imagina.

2 comentários em “Olhares

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Voltar ao topo