#OVerãoInspira | Beira Mar

Leia ouvindo: Sufjan Stevens – Should Have Known Better 

Foi ali na beira do mar que eu me abri e pedi que tudo de ruim fosse embora.

A gente sabe quando precisa pedir ajuda para passar por desafios que estão por vir. Joguei tudo de ruim que estava em mim ali, nas ondas, e pedi para o mar levar embora. Existem aqueles períodos da vida que tudo que a gente mais quer é se limpar, tirar a lama acumulada da caminhada feita até agora. Foi o meu dia de pedir, foi o meu pedido para o novo, foi a minha escolha.

Quando a gente decidi limpar a sujeira, precisa se preparar para tudo que está por vir. A queda de amigos falsos, o afastamento natural de pessoas que não batem mais com a nossa energia, o encontro com novas pessoas, as boas notícias que vão insistir em chegar e as decepções que devem ficar para trás.

Nunca é fácil, mas precisamos pensar que será um período. Depois que passa a gente agradece! Joga flores no mar, veste branco, enfeita a casa e muda móveis de lugar. Tudo muito bem orquestrado pela nova vida que chegou.

carol-pulsar-32

[ Foto: Ana Paula Fiedler no perfil lindeza da Caroline Paternostro ]

Aquilo que a gente achava que era bom, não é mais. Quem a gente achava que era amigo, não é mais. Tudo que a gente acreditava estar no lugar, não está mais. Vida que segue. Jogo das cadeiras para quem fica.

O segredo é acreditar na transformação, no amor que carregamos no coração, no fio de esperança que a gente agarra e principalmente nas mudanças que a vida insiste em fazer.

A vida está ai para quem tem coragem de tirar a lama acumulada e enfrentar as profundezas da verdadeira limpeza.

A busca pelo fôlego é eterna. Você terá inúmeras vezes a sensação que nadará e morrerá na praia, mas  lembre-se sempre daquele fio de esperança e agarre nele. mesmo sem esperanças. Esperança e fé se confundem o tempo todo, talvez por ser praticamente a mesma coisa.

Na beira do mar eu chorei, mas nunca me vi tão feliz. Na beira do mar eu sofri, mas também sorri. Na beira do mar eu pedi, e tenho certeza que me ouvi.

Esperança meu amor, esperança.

Juliana Manzato
Últimos posts por Juliana Manzato (exibir todos)

Juliana Manzato

Apaixonada por amor, cachorros, textos e coisas inspiradoras. Adora fotografia, mar, sol, doce de padaria, verão e olhar o céu azul. Esportista. Feminista. 80 porcentista. Irônica eu? Imagina.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Voltar ao topo