Por um segundo, eu pensei que fosse você.

Leia ouvindo: Mikky Ekko – Mourning Doves

Esqueça as fotos. As músicas. As cartas e bilhetes trocados. Esqueça. Não precisei de nenhuma destas lembranças para que tudo voltasse. Como não precisei também de novas mensagens. Novos telefonemas. Ou de mais um de seus beijos. Foi preciso apenas um segundo. Durante este tal, eu pensei que fosse você.

Aconteceu em um destes espaços abertos, que se tornam fechados pelas tantas pessoas que ali se agrupam, indo e vindo. Entre árvores, barracas e bancos. Em um destes, eu sentava. Sozinho. Como já fiz inúmeras vezes, em meu almoço. Na verdade, sozinho em corpo apenas. Se não fosse por este segundo e por você.

8252

[ Imagem: reprodução ] 

Eram os seus fios. As mesmas ondas. E até o mesmo corte de cabelo. A pele, os lábios, os contornos e traços, espelhos dos seus. Não havia como não ser. Mas os olhos entregaram. Passaram por mim com o desconhecimento mais sincero que poderia existir. Então notei: realmente não era você. Impressionantes as semelhanças, ainda assim não era. Mas bastou. Tudo já estava novamente em mim. As fotos. As músicas. Os beijos. Na verdade, nunca havia partido.

Um segundo. Depois deste, desisti. Deixei ali o meu almoço e fui embora. Mas não mais sozinho. Saí com o desejo de que fosse você.

Assinatura_MAT

Últimos posts por admin (exibir todos)

admin

Um comentário em “Por um segundo, eu pensei que fosse você.

  1. Esses segundos que duram séculos…e fazem tudo voltar!
    Mas o fato é que só a imagem…lembranças…fotos é que ficaram, é claro, a vontade que fosse você!
    Perfeito MATHEUS!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Voltar ao topo