Summer Party | New Years Eve

Promo da Onça

Leia ouvindo: La + Ch – You Are My Summer Feat. Coleman Hell & Jayme

Summer Party. Summer Love. Summer time. Já sinto o gosto do sorvete de groselha, da melancia cortada no final da tarde, da caipirinha refrescante, da cerveja gelada. Sinto a maresia, os pés na areia, o sol abraçando mais forte a minha pele. Já estou em férias preparando as boas vindas para o verão.

Já sinto também a chegada do novo. 31 de dezembro está ai. Talvez seja um dos meus dias favoritos do ano. É verão. É festa. É Euforia. O fim de um e o inicio de outro. Dia 31 é o último dia de um ano todo que passou. Alegrias, tristezas, surpresas, decepções, mas acima de tudo, histórias.

É a despedida, a surpresa, a reunião de gente querida, o abraço apertado, onde as últimas esperanças vivem e aparecem, junto com o colorido dos fogos no céu. Passado da zero hora, somos todos 2015. Em um único coro. Em uma única voz: Feliz ano novo.

É hora de ser mais! Celebrar, agradecer, rir, abraçar, beijar e curtir o novo. É nessa hora que a música aumenta, o champagne estoura, o coração se enche e damos boas vindas para o tão esperado novo ano.

8216

[ Imagem: reprodução ] 

O meu 2015 vai chegar à beira mar e regado à open bar. Não poderia ser diferente, quero continuar com a tradição: se está algo está bom, vamos continuar.  Espero céu estrelado e amanhecer azul. A minha primeira grande festa de 2015 acontece num dos meus lugares preferidos do mundo, Ilhabela. Cercada de ceú, verde e mar. Um bom motivo para começar a agradecer.

Com a primeira festa vem também, o primeiro open bar de 2015. Para abrir logo o ano sem maturidade e continuando aquilo que a gente mais gosta, festejar!  O recheio do bolo além do open bar que a gente adora é o buffet, daquele restaurante do coração, o Marakuthai. A cereja são as cias, amigos queridos reunidos com um único propósito, dançar até o sol raiar.

Que 2015 comece com música boa, champagne à vontade, sorriso no rosto, coração transbordando, esperanças recuperadas e um horizonte de possibilidades, amém.

Vem para a New Years Eve você também! 😉

10639705_10152367362446734_2722253892390375754_n

Informações:

Ilhabela – New Years Eve |  Onde o extremo do útil e do agradável se encontram 😉

– PREMIUM Open Bar / Open Food : Absolut, Red Lable, Chandon, Cerveja, Refrigerante, Sucos, Cramberry, Energértico, Buffet Marakuthai

Pontos de venda

Online:
www.weventos.club
www.ingresse.com
www.semhora.com.br / App sem hora
Vendas app store: http://ingres.se/95
Google Play Store: http://ingres.se/94

Pontos físicos:

CAMPINAS [ Com valor especial de primeiro lote! ] 

Fenz Acessórios 

Instagram: @fenzacessorios

E-mail: contato@fenzacessorios.com.br

Skull bar: Rua Amauri ( Itaim ) 244 piso superior ao restaurante Ecco telefone 996690905

Marakuthai ( Jardins ) Alameda Itu, 1618 – Jardim Paulista – São Paulo – (SP) telefone: 3062-7556

Loja Zapalla Shopping Cidade Jardim . – Avenida Magalhães De Castro, 12000 – Butantã – São Paulo – SP. Telefone: (11) 3552 3110

Marakuthai ( Ilhabela ) Av. Força Expedicionária Brasileira, 495, Ilhabela

pagina no facebook: https://www.facebook.com/pages/W/198386420235958
instagram : @w_eventos

Line-up :

-PHONIQUE – Dj Alemão, querido no Brasil pelos seus sets amigáveis de “deep house” e carisma de pista. (plus talent)

-Lucas Eroles

-Diogo Accioly (plus talent)
-China (jack artist)
-Leo Cury
-Thomas Bassetto
– Joca Guarim

Translado: Estamos com serviço disponível de translado de helicóptero São Paulo – Ilhabela (réveillon) ida e volta.

Informações sobre o serviço: w.contatoeventos@gmail.com

Assinatura_Juju

Juliana Manzato
Últimos posts por Juliana Manzato (exibir todos)

Juliana Manzato

Apaixonada por amor, cachorros, textos e coisas inspiradoras. Adora fotografia, mar, sol, doce de padaria, verão e olhar o céu azul. Esportista. Feminista. 80 porcentista. Irônica eu? Imagina.

Um comentário em “Summer Party | New Years Eve

  1. CONTO DE MINAS!

    Lá bem longe
    nas Minas Gerais
    em um Castelo,
    numa cidadezinha pacata,
    Moravam três lindas princesas.
    Comiam queijo, goiabada, rapadura e broa de milho.
    Tomavam café
    café preto
    café do bule.
    Pulavam amarelinha.
    Depois viam o trem passar pela janela.
    Na porta do castelo não havia um dragão,
    apenas um cachorrinho magro e manco fazia a vigília.
    A estrada tinha muito barro,
    muito buraco,
    muito boi,
    muita carroça,
    muita porteira.
    O povo pacato se escondia,
    não cediam informações a estranhos.
    Os príncipes não vieram,
    não Chegaram _ Perderam-se pelo caminho.
    Tereza virou esposa de soldado,
    Ana fugiu com o circo,
    Camélia foi pro convento.
    E todas viveram felizes para sempre!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Voltar ao topo