TUDO NOVO DE NOVO

0

Leia ouvindo: Beshken – Nina

Lembra daquele texto que povoou a internet anos atrás sobre o banco da vida? Aquele que te lembra que diariamente são depositados R$ 86.400,000 e que você deveria gastar ao longo do dia, porque no final do dia esta conta estaria zerada? O valor é correspondente ao segundo de um dia e todos eles podem nos trazer emoções e experiências novas.

Toda virada de réveillon, desde que li este texto, me vem a lembrança – do texto – e desses depósitos. No frigir dos ovos, pouca coisa muda com virada do ano. Os problemas ainda continuam na sua porta, os motivos de felicidade também, assim como os boletos que apenas aumentam em janeiro e trazem aflição.

Mas dentro da alma nasce uma esperança, uma força e revitalização da alma e do corpo que é quase impossível explicar, é como se toda a felicidade compartilhada pelos povos da Terra penetrasse na alma nos energizando para mais 365 dias.

Fotografia: Juliana Manzato

Em poucos dias, compartilhamos momentos inesquecíveis com a nossa família, nossos amigos. O bom dia com sorriso sai da boca de todos. É uma vibração tão contagiante que nem nos damos conta que a realidade da rotina vai bater na primeira segunda-feira.

Não vamos nos importar com os problemas do ano que se passou, não vamos nos angustiar pelos planos que não deram certo, aquela briga de política ficará para trás no primeiro abraço.

E a esperança nos faz deixar toda a negatividade de lado para continuar.

Rezamos pelos novos projetos, novos sonhos, amores e crushs. Que as lágrimas de dores sejam inexistentes, que a saúde reine em nosso lar, que nossos ouvidos e olhos não sejam afetados pelas besteiras irritantes da internet e que tudo seja vivido na mais plena felicidade do mundo.

Não é o andamento do relógio que pauta a nossa felicidade, não é no fim do calvário que vamos nos encontrar, será no caminho e no aprendizado. São novos dias de oportunidade, de aprendizado. Se tivermos de chorar, que seja, se tivermos que nos iludir, que seja, se tivermos que amar e ser amados, que seja.

As oportunidades não vão bater na nossa porta, temos que insistir, investir, mostrar para o que viemos e conquistar os amores, os trabalhos, os projetos e qualquer outra prova.

Sim, é tudo novo de novo sem mudar nada, mas que você faça todos os seus sonhos serem realidade.

Luiza Pellicani

Luiza Pellicani

Jornalista que perdeu o filtro quando nasceu. Fala e faz o que dá na cabeça. É apaixonada por jornalismo, escrita, música, vida e por pessoas. Balada é comigo. Cinema é comigo. Netflix é comigo. Família é comigo. Nos amores, aproveite, as coisas podem mudar. E não esqueça, máxima do 8 ou 80 não funciona comigo.
Luiza Pellicani

You might also like More from author

Leave A Reply

Your email address will not be published.