Um motivo para sorrir | O abraço da minha avó

Leia ouvindo: Butterfly Culture – Benjamin Francis Leftwich

Me conte um dos motivos que te faz sorrir. Relaxe, solte os braços, respire fundo… Me conte um dos seus motivos para sorrir. Tenho certeza que por mais mal humorada que você seja pela manhã, deve existir aquele motivo que faz você soltar o seu melhor sorriso.

O meu melhor sorriso vem de uma senhora de quase 77 anos, de cabelos brancos e corpo gorducho. Se eu pudesse eternizar duas pessoas no mundo, uma delas provavelmente seria ela. Uma senhora sincera, que sempre teve que trabalhar para conseguir o que tem. Nasceu em berço simples de uma família pra lá de italiana. A educação foi rígida, não teve bonecas ou tempo suficiente para aproveitar a infância, o trabalho árduo na roça, depois no chão de fábrica, era um companheiro inseparável. Aprendeu desde cedo sobre a vida. Teve inúmeras vontades, sonhos realizados.

Um motivo para sorrir é receber o abraço dela: minha avó amada, minha segunda mãe por escolha e meu verdadeiro amor de coração. Deus me deu a oportunidade de receber os beijos mais carinhosos dela e também as broncas mais valiosas. Aprendi tabuada com ela. Aprendi a cozinhar com ela. Aprendi a valorizar a saúde com ela. Aprendi sobre querer ter alguém para a eternidade também com ela.

8274

[ Imagem: reprodução ] 

Toda visita começa com o abraço e termina com um “Deus te abençoe”. Dormir com um pequeno terço enrolado nas mãos veio dela. “Vó, tem uma reunião importante agora”, e a resposta sempre é a mesma: “Que o anjo da guarda esteja contigo, vai dar tudo certo. Vou rezar por você”. Mais importante do que ter fé, é ter alguém que ore por você.

O meu motivo para sorrir é saber que ela está firme e forte ao meu lado. Que me ensina coisas que eu nunca imaginei. Que me cobra felicidade, que quer me ver bem, que ainda me dá broncas, que faz a #JuliaSincerona quase sempre e que faz todo mundo rir com seu mau humor matinal. Acho que depois do abraço, um outro motivo que me faz sorrir é ouvir dela “Seja feliz, antes de qualquer outra coisa”. Ter avó é ter Deus um pouquinho mais perto da gente, e como eu sou agradecida por isso.

Assinatura_Juju

Juliana Manzato
Últimos posts por Juliana Manzato (exibir todos)

Juliana Manzato

Apaixonada por amor, cachorros, textos e coisas inspiradoras. Adora fotografia, mar, sol, doce de padaria, verão e olhar o céu azul. Esportista. Feminista. 80 porcentista. Irônica eu? Imagina.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Voltar ao topo