Um pouco mais de silêncio

Leia ouvindo: Youth Lagoon -Posters

Tenho um apreço imenso pelo barulho do nada, o silêncio. Para mim é a melhor das músicas, onde eu encontro a paz e um pouco de organização em meio a tanta bagunça. É nesses minutinhos que eu me encontro comigo mesma. Não existem vozes, telefone tocando, barulho de avenida, portas batendo ou gritaria do mundo no meu ouvido, pelo contrário, existe plenitude.

Parece estranho ouvir isso de uma pessoa tão falante, mas o silêncio me ensinou tantas coisas, entre elas, que ele é a melhor resposta para tudo. Se uma situação te chatear muito, fique em silêncio. Se está muito feliz, também fique em silêncio. Temos a péssima mania de gritar aos 4 cantos tudo o que acontece na nossa vida, talvez pela facilidade com as redes sociais, mas tenho para mim que não precisamos sair falando e espalhando uma energia que deveria ser só nossa.

O mundo lá fora é bom, mas te coloca para baixo muitas vezes, duvida dos seus sonhos, limita seus horizontes, é redondo e quadrado ao mesmo tempo, cria padrões para sociedade, te trata como número não como alguém e principalmente, é muito cruel com quase todos.

{ Imagem reprodução }
{ Imagem reprodução }

Ficar em silêncio é muito diferente de engolir sapos, ele é a melhor solução para acabar com eles na verdade. Muitos não entendem isso e jogam opiniões e desabafos ao vento, e não pensam que o vento pode virar furacão. Não existe coisa mais sábia do que resolver tudo em silêncio. É melhor lidar com aquilo dentro da gente, com os nossos valores e sentimentos, do que sofrer interferência de um mundo que nem sempre te quer bem. Ruído quebra silêncio, palavra mal dita quebra coração.

Acho que Deus inventou o silêncio para nos aproximarmos de nós mesmos. Para resolvermos todos os desafios que ele nos dá. O silêncio é o nosso momento de decisão, de impulso para chegar ao final em paz e de coração tranquilo. Deus é riso e silêncio. De todos os barulhos criados por ele, o silêncio e a risada são os melhores deles.

O silêncio tem mais coisas para ensinar do que imaginamos. Desliga o botão do barulho e liga as batidas do coração, até esse tão automático movimento merece ser ouvido no silêncio. E digo mais, é nesses momentos que as lágrimas rolam, as gargalhadas saem, a paz te abraça e você percebe que apesar de ser um número para muitos, para o cara lá de cima você é mais do que especial.

Que o silêncio nos traga coisas boas e se torne parte da oração diária. Que assim seja, também. Amém.

Assinatura_Juju

Juliana Manzato
Últimos posts por Juliana Manzato (exibir todos)

Juliana Manzato

Apaixonada por amor, cachorros, textos e coisas inspiradoras. Adora fotografia, mar, sol, doce de padaria, verão e olhar o céu azul. Esportista. Feminista. 80 porcentista. Irônica eu? Imagina.

6 comentários em “Um pouco mais de silêncio

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Voltar ao topo